T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Desoneração da folha de pagamento foi votada contra a vontade da Fazendaprevisão

Compartilhe:

Na previsão da apresentação do Orçamento de 2024, o grupo responsável pela economia enfrentou um dia de intensa pressão no Congresso Nacional, onde foram votadas duas medidas com consequências significativas para as finanças públicas.

Na primeira situação, o governo teve que atuar nos bastidores para garantir a aprovação acirrada no Senado das alterações no Carf, o tribunal vinculado à Receita Federal. Quanto à segunda medida, a Fazenda sofreu uma derrota incontestável: a Câmara aprovou o projeto que estende a isenção de encargos sobre a folha de pagamentos a 17 setores da economia até 2027, além de oferecer incentivos fiscais a todos os municípios do Brasil, permitindo-lhes reduzir as contribuições previdenciárias.

Este projeto, que agora retorna ao Senado após ter passado por alterações, é encarado com preocupação considerável pelo grupo econômico, que se sentiu excluído das discussões no Congresso, conforme relatado pelo Estadão. A Fazenda desejava incorporar a discussão sobre a redução das obrigações trabalhistas à reforma tributária sobre a renda, que está prevista para começar após a aprovação da reforma relacionada ao consumo.

Fonte: Estadão

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h