T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Dólar desaparece na Argentina e chineses aproveitam oportunidade: uso do yuan bate recorde no país

Compartilhe:
Moeda americana, Dólar e moeda chinesa, Yuan (Foto) Getty Images

O movimento indica as dificuldades financeiras da Argentina e as ambições da China para o yuan.

(Infomoney) – Ficou tão difícil encontrar dólares na Argentina que o grupo Whirlpool (WHRL4), gigante americana de eletrodomésticos, está pensando em usar o yuan chinês para importar peças. E ele não está sozinho.

Em todo o país sul-americano, uma oferta cada vez menor de dólares está levando as empresas para a moeda chinesa, que em outro contexto teria desempenhado um papel periférico no comércio internacional. O movimento indica as dificuldades financeiras da Argentina e as ambições da China para o yuan.

“O banco central não tem dólares, então precisa da ajuda emergencial que a China está oferecendo”, disse Marcelo Elizondo, economista comercial em Buenos Aires. “Para a Argentina, seus laços monetários com a China representam uma emergência, mas para a China é uma alavanca para aproveitar uma oportunidade geopolítica.”

A supremacia do dólar no comércio global está sendo prejudicada pela fragmentação causada pela rivalidade EUA-China, particularmente nos países em desenvolvimento. O isolamento econômico da Rússia após a invasão da Ucrânia também abriu rotas comerciais não relacionadas ao dólar para evitar sanções.

Numa decisão política do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de buscar alternativas ao dólar, o vizinho Brasil também pretende usar mais yuan.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h