T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

EDITORIAL – O problema não é o arroz

Compartilhe:

Informação dada por um conhecido grupo de comunicação do país (pertencente à “velha” mídia), diz que o governo está “estudando” com os produtores de arroz um meio de evitar novos leilões de importação do cereal.
Como sempre, Lula quer jogar a responsabilidade no colo da produção. Toda esta confusão acontece após a suspensão de um leilão onde, segundo o Presidente da República, houve “falcatruas”.
O Presidente da República cismou que o arroz tem que custar 4,00 R$ o quilo para o consumidor.
Cismou, é ideia fixa, o valor de 4,00 Reais virou paranóia.
De onde ele tirou este preço, 0,75 cents de dólar/kg, isso ninguém sabe, haja vista que não existe este preço de arroz em nenhum país do mundo.
Pelo menos não neste mundo que conhecemos, porém, em outras cabeças que vivem em outro mundo, pode ser que tenha arroz até por preços menores.
Pode ser também que o arroz seja um bode expiatório, uma desculpa para realizar leilões de compra, que geralmente movimentam grandes cifras, neste caso, 7 bilhões de Reais.
É bastante dinheiro para um país já endividado, e é a metade do valor que seria destinado a empréstimos para recuperação do estado do Rio Grande do Sul, que, aliás, foi suspenso por motivos de forças ocultas, talvez até por falcatruas, parafraseando o Ilustre Presidente da República.
E cabe também, por motivos bastante óbvios, perguntar se o problema do Brasil é o arroz?
Por motivos ainda mais que óbvios, e até ululantes, é claro que o problema do Brasil não é o arroz.
Neste caso concreto, como diz o jargão jurídico, parece que a CONAB é a grande tacada do jogo, uma vez que a Petrobras, os Correios, os fundos de pensões estão muito vigiados, muito manjados, então … tem a CONAB, que curiosamente já comprou milho em leilão para atender, supostamente, o estado da Bahia, que ainda mais curiosamente, tem um agro extremamente desenvolvido, por sulistas, por “chegantes” de todas as partes do país, como eles dizem no oeste baiano.
É bem provável que, caso aprofundem as discussões, e os fatos comecem a aparecer, chegaremos à conclusão, bastante óbvia, que o problema não é o arroz.
O problema do Brasil, na verdade, é o modelo de governança.
Este sim é o problema.

T&D

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h