T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Lula apresenta quadro de tristeza e ansiedade diz a Folha (por REVISTA OESTE)

Compartilhe:

Pessoas próximas a Lula relataram que o presidente tem demonstrado tristeza e ansiedade, informou o jornal Folha de S.Paulo, nesta segunda-feira, 15. O estado emocional do petista fica alterado quando percebe que não consegue fazer valer a sua vontade, como no passado.

Cinco meses depois de assumir o terceiro mandato, Lula sofreu uma série de derrotas no Parlamento. Ele também não consegue mandar o Banco Central baixar os juros, em virtude da independência da autoridade monetária. Diversas outras iniciativas que teve, inclusive no plano internacional, não vingaram. Até a escolha de Cristiano Zanin, um de seus advogados, para uma cadeira no Supremo Tribunal Federal está sendo difícil. Isso porque até aliados de primeira ordem no Palácio do Planalto se opõem à nomeação de Zanin.

frente ampla lula
Foto oficial dos ministros de Lula, depois da posse – 1/1/2023 | Foto: Ricardo Stuckert/Flickr

Segundo a Folha, Lula se sente uma pessoa que vive em um paradoxo: elegeu-se com ambições maiores do que as que tinha em eleições anteriores. Desta vez, contudo, não está tão disposto a ceder, como teve de fazer anteriormente para governar. Para complicar, a vitória apertada sobre o ex-presidente Jair Bolsonaro não deu capital político suficiente para o petista.

Leia também: “O PT nutre a fantasia de ser absolvido pela história”, artigo de Mario Sabino publicado na Edição 164 da Revista Oeste

Os gastos secretos de Lula; Cartão corporativo do presidente já acumula R$ 2,5 milhões em despesas

O governo de Luiz Inácio Lula da Silva não está seguindo o discurso do então candidato durante a campanha eleitoral. Na época, Lula discursava contra Jair Bolsonaro e pregava “transparência” nos gastos públicos. Entretanto, com apenas cinco meses de governo, Lula parece fazer justamente aquilo que afirmava que combateria.

Nos três primeiros meses do ano, o governo Lula gastou no cartão corporativo mais de R$ 2,5 milhões. A farra com o dinheiro dos pagadores de impostos, no entanto, não foi tornada pública pela Presidência. O vice-presidente, Geraldo Alckmin, gastou R$ 177 mil no mesmo período — também de forma secreta.

o todo, cerca de 2,4 mil pessoas possuem o cartão corporativo de pagamento do governo federal. Até março, o valor gasto chegou a R$ 12,2 milhões, conforme o Portal da Transparência.

Viagem de Lula à China custou R$ 6,6 milhões

O governo brasileiro gastou R$ 6,6 milhões para bancar a viagem de Luiz Inácio Lula da Silva e de sua comitiva à China e aos Emirados Árabes Unidos, entre 12 e 15 de abril.

Só de hospedagem, a comitiva brasileira torrou R$ 3,2 milhões. Para transportar os convidados de Lula, foram gastos R$ 1,3 milhão com o aluguel de carros. Para contratar os intérpretes, o governo federal pagou cerca de R$ 500 mil. Os gastos da viagem do presidente foram divulgados pelo site Poder360 e foram obtidos via de Lei de Acesso à Informação. Os valores não incluem o translado aéreo. Os voos foram bancados pela Força Aérea Brasileira.

As despesas foram maiores na China, onde houve desembolso de R$ 5,4 milhões. No último dia de compromissos no país de Xi Jinping, o governo realizou um coquetel na embaixada brasileira que custou R$ 130 mil. Nos Emirados Árabes, os gastos totais foram de R$ 1,2 milhão.

No fim de abril, Lula também levou uma comitiva, que foi destaque na imprensa internacional pelo tamanho, a Portugal e à Espanha. Na ocasião, o presidente ficou seis dias na Europa.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h