T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Milho na estabilidade

Compartilhe:

De acordo com Brandalizze, o milho caiu ontem, mas deve compensar hoje, pois não há uma tendência efetiva de queda constante. Isso se deve à indefinição da safra americana, que foi prejudicada e não atingirá a projeção inicial de cerca de 390 milhões de toneladas. O mercado sabe disso e há uma demanda potencial mundial muito forte, além da quebra da safra na China, que ainda não foi totalmente contabilizada.

O USDA reduziu a projeção para 277 milhões de toneladas, mas a safra é menor do que isso. Portanto, o mercado está em correção e tem buscado ficar perto dos cinco dólares em Chicago. No Brasil, a B3 reflete basicamente o que está sendo pago pelo mercado de exportação, com valores variando entre R$59 e R$62 para dezembro e janeiro, dando suporte à posição da B3.

Veja o comentário completo de Vlamir Brandalizze no Minuto do Milho:

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h