T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Rússia ataca armazéns de grãos no rio Danúbio e intensifica risco para a última rota de exportação da Ucrânia

Compartilhe:

(NOTÍCIAS AGRÍCOLAS) – A Rússia atacou um dos portos fluviais do rio Danúbio na Ucrânia, aumentando os riscos enfrentados pela última grande rota de exportação de grãos de Kiev e pelo comércio global de alimentos.

Um ataque de drone durante a noite arruinou um hangar de grãos em um porto do Danúbio, disse o comando militar operacional do sul da Ucrânia no Facebook. Ele não especificou qual porta foi atingida ou deu mais detalhes sobre os danos.

É a mais recente de uma série de medidas da Rússia para impedir as exportações ucranianas, que historicamente deram uma importante contribuição para o abastecimento global de alimentos. O colapso do acordo de grãos do Mar Negro na semana passada, que permitiu à Ucrânia embarcar por mar, e os subsequentes ataques da Rússia ao porto de Odesa estimularam as expectativas de que a Ucrânia terá que dobrar suas rotas alternativas – a mais óbvia sendo o rio Danúbio.

O volume de safras transportadas pelo rio atingiu 2,2 milhões de toneladas em maio, um aumento de quase 900 mil toneladas em relação ao final do ano passado. Esses embarques até ultrapassaram as exportações pelo corredor do Mar Negro em maio, devido a inspeções que retardaram a partida de cargueiros.

O trigo em Chicago chegou a subir 6,9% na segunda-feira, ampliando os ganhos de mais de 5% na semana passada. A Rússia também lançou uma nova barragem de mísseis contra Odesa no fim de semana, a maior em uma série de ataques quase diários na cidade portuária do Mar Negro depois que Moscou desistiu do acordo de grãos.

A Ucrânia tem os principais portos de Reni e Izmail no Danúbio, na fronteira com a Romênia. Os comerciantes locais, incluindo Nibulon e Kernel, estavam expandindo a capacidade lá em resposta ao bloqueio marítimo da Rússia. Nenhum dos dois respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

“Esses portos são a maior esperança para a Ucrânia exportar seus grãos e oleaginosas” disse o analista do Rabobank, Carlos Mera. “Acreditamos que a Ucrânia poderia exportar até 2,5 milhões de toneladas de grãos e oleaginosas por mês através desses portos. Isso seria suficiente para exportar a maior parte de seu excedente exportável. Mas, no momento, não está claro quanto dano foi causado e se a Rússia realizará ataques frequentes no futuro”.

A Rússia está tentando “tornar difícil” para a Ucrânia exportar grãos através do Danúbio, disse o ministro da Agricultura ucraniano, Mykola Solskyi, à Bloomberg TV em uma entrevista na semana passada.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h