T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Rússia ataca instalações de grãos na região ucraniana do Danúbio, dizem militares

Compartilhe:

(INVESTING) – A Rússia atacou portos ucranianos na região sul de Odesa e na área do rio Danúbio em ataques noturnos com drones, incendiando pelo menos uma instalação de armazenamento de grãos, disseram autoridades militares e locais da Ucrânia nesta quarta-feira.

Os ataques foram os mais recentes da Rússia contra infraestruturas portuárias no Danúbio que a Ucrânia utiliza para transportar cereais para o porto romeno de Constanta, desde que Moscou desistiu de um acordo mediado pela ONU que permitia a Kiev enviar grãos por meio do Mar Negro.

“O inimigo atingiu instalações de armazenamento de grãos e um complexo de produção e transbordo na região do Danúbio. Um incêndio eclodiu nos armazéns e foi rapidamente contido. Os bombeiros continuam trabalhando”, disseram militares ucranianos em uma postagem no aplicativo de mensagens Telegram.

Os militares publicaram fotografias mostrando pilhas de grãos sob a estrutura queimada e destruída do armazém.

O governador de Odesa, Oleh Kiper, disse que o ataque à região durou três horas e que a força aérea ucraniana destruiu nove drones russos.

“Infelizmente, ocorreram ataques nos complexos de produção e transbordo onde ocorreu um incêndio… Os danos incluem instalações de armazenamento de grãos”, disse Kiper no Telegram.

As defesas aéreas ucranianas afirmaram mais tarde na quarta-feira que tinham abatido 11 dos 20 drones lançados pela Rússia durante a noite.

Uma fonte da indústria disse à Reuters que os portos ucranianos do Danúbio eram os principais alvos. A Ucrânia opera dois portos principais no Danúbio — Izmail e Reni.

Os portos do Danúbio representavam cerca de um quarto das exportações de grãos ucranianos antes de a Rússia ter se retirado do acordo para passagem segura da exportação de grãos ucranianos através do Mar Negro, em julho.

 

Desde então, os portos tornaram-se a principal rota de saída, com os grãos também enviados em barcaças para o porto romeno de Constanta, no Mar Negro, para embarque posterior.

Os preços globais de grãos subiram no início deste mês, quando a Rússia atacou Izmail — o principal porto interior da Ucrânia, do outro lado do rio Danúbio, a partir da Romênia, e o porto de Reni.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h