T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Soja dispara a quase US$ 14 por bushel após nota do USDA; milho briga com US$ 6 (MoneyTimes)

Compartilhe:
Fonte: Pixabay

Soja volta a flertar com cotação de US$ 14 por bushel, após divulgação de relatório do USDA. Commodity acumula queda de 13% em 2023. 

Os contratos futuros da soja, com vencimento para julho, chegaram a se aproximar da cotação de US$ 14 por bushel nesta sexta-feira (9).

Afinal, tanto a soja quanto o milho na bolsa de valores de Chicago (CBOT) reagem ao relatório do USDA.

Conforme o relatório, o governo dos Estados Unidos elevou sua previsão para estoques de grãos do país.

Na justificativa, devido à queda na demanda de exportação de ambas as commodities.

Os estoques de milho para o ano comercial de 2022/23, que termina em 31 de agosto, têm estimativa em 1,452 bilhão de bushels, informou o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA).

Já os estoques finais de soja para 2022/23 foram previstos em 230 milhões de bushels.

Portanto, os novos números se comparam às previsões de maio do USDA de 1,417 bilhão de bushels de milho e 215 milhões de bushels de soja.

Para o ano comercial de 2023/24, o USDA elevou sua previsão de estoques de milho para 2,257 bilhões de bushels, de 2,222 bilhões anteriormente, e seus estoques de soja para 350 milhões de bushels, contra 335 milhões na estimativa prévia.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h