T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Soja é direcionada pelo clima nos EUA e a espera do USDA. Milho sobe na B3. As informações com Vlamir Brandalizze

Compartilhe:

Comentários do mercado dessa terça feira com Vlamir Brandalizze;

MILHO
Em meio à tensão no mercado financeiro, o milho se encontra em uma disputa acirrada em Chicago, com uma leve pressão descendente. No entanto, os investidores estão atentos a outros fatores que podem influenciar o mercado.

Um desses fatores é a seca avançando sobre a Rússia, que tem causado problemas na safra de trigo do país. Essa situação pode beneficiar o milho, já que a escassez de trigo pode aumentar a demanda por outros grãos. Além disso, a Austrália, grande exportadora de grãos, também enfrenta um período de seca, o que pode impulsionar ainda mais o mercado de milho.

A Ucrânia, país que também é um importante produtor de milho, enfrenta uma situação semelhante, com a seca afetando sua produção. Além disso, o país ainda lida com conflitos internos, o que agrava a situação.
Nos Estados Unidos, há indícios de que a qualidade da safra de milho americano pode ser reduzida ao final do dia. No Brasil, por outro lado, a colheita está apenas começando, mas já se espera uma grande oferta de milho nas próximas semanas.

Diante desse cenário, os produtores precisam estar atentos para se posicionar de maneira estratégica no mercado. Afinal, não podem perder as oportunidades que surgem com as oscilações do mercado de milho.

SOJA
Após o feriado prolongado nos Estados Unidos, a semana começa em Chicago com incertezas no mercado da soja. Todos aguardam ansiosamente o relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), enquanto o clima seco prevalece na maior parte do Meio-Oeste americano.

Apesar das chuvas recentes, o mercado permanece cauteloso. Observamos movimentos técnicos, com investidores realizando lucros após oscilações modestas de alta e baixa. Essa é a situação no primeiro dia de negociações da semana para a soja.

O mercado antecipa uma possível queda na qualidade da soja, conforme será revelado no relatório do USDA, que será divulgado no final da tarde. Este relatório certamente terá um impacto significativo nas negociações noturnas e ao longo da semana.

Este é um fator crucial para o posicionamento do mercado. Há uma alta probabilidade de que a qualidade da soja diminua, o que poderia sustentar os preços. Além disso, outro fator importante a ser considerado é o fenômeno climático El Niño na Ásia e no Leste Europeu, que pode causar danos significativos às lavouras.

Veja o vídeo na  íntegra:

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h