T&D – Tempo e Dinheiro

Procura

Entrar

Procura

Uréia pode ter disparada de preços com alta do Petróleo? Qual relação com o gás natural?

Compartilhe:

A relação da ureia não é com o petróleo, mas sim com o gás natural, que não tem relação direta com o petróleo. Na verdade, as sazonalidades desses dois produtos podem ser inversas. De julho a dezembro é o período de sazonalidade de alta do gás natural, pois ele é utilizado no hemisfério norte principalmente para geração de energia e aquecimento durante o inverno, quando há maior demanda por calor e energia. Isso historicamente causa uma alta no preço do gás natural, que já começou na Europa por causa da Rússia.

A Rússia é um gigante exportador de gás natural e o maior produtor do mundo, com a empresa Gaspron. Sazonalmente, a partir de agosto até dezembro, o gás natural, principal insumo da ureia, tende a subir. O gás natural é transformado em amônia e depois em ureia através de um processo químico. Portanto, existe uma probabilidade maior de alta da ureia no segundo semestre. Caso a situação na Rússia continue a criar aumentos não só na situação do grão, mas também na guerra como um todo e nos fluxos de gás (o que pessoalmente acredita-se que não vai acontecer), isso seria um agravante na situação. Pode-se esperar que o preço da ureia e dos nitrogenados como um todo estejam perto do fundo.

Veja o vídeo completo com o comentário de Maurício Bellinelo:

 

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site protegido contra cópia de conteúdo

Assine e descubra as notícias em primeira mão

O Tempo & Dinheiro tem o melhor custo benefício para você

AO VIVO: Acompanhe as principais notícias do dia na Record News

PRÓS E CONTRAS - 03/05/2023

JORNAL DA MANHÃ - 18/05/2023

VTV SBT - Ao vivo 24h